Nissan: Máquina do Tempo: Nissan Frontier retorna mais de 10 mil anos no tempo

Posted on 14. Sep, 2017 by in Nissan Canada

  • Picape mostra que é mais do que força passando por todos os obstáculos para chegar aos principais sítios de arte rupestre do país 

Rio de Janeiro – Uma aventura em diferentes estados do Brasil para chegar aos primórdios do nosso país, em uma volta no dash capaz de superar 10 mil anos. A Nissan Frontier comanda o projeto “Expedição Nissan: À procura do início do Brasil” que vai ajudar a divulgar os principais sítios de arte rupestre do país, alguns deles entre os mais antigos e importantes do mundo.

O conceito do projeto segue o compromisso da Nissan de estar cada vez mais presente no dia a dia dos brasileiros e, assim, une os produtos da marca com ações que contribuam com o país. No caso, contribuir com a cultura e a pesquisa científica ao divulgar o rico acervo de pinturas rupestres do Brasil, que muitas vezes é mais conhecido e admirado por estrangeiros do que pelos brasileiros. Algumas das pinturas deixadas pelos primeiros habitantes de nosso país chegam a ter 12 mil anos e serão visitadas durante o projeto.

Assim, uma frota de picapes Nissan Frontier vai percorrer estradas e caminhos off road de diferentes estados do Brasil, como Piauí e Minas Gerais, para levar jornalistas e convidados a uma volta no dash para conhecer diferentes sítios de pintura rupestre e também ver o trabalho dos profissionais e pesquisadores que ajudam a mantê-los. A primeira etapa da “Expedição Nissan: À procura do início do Brasil” começa no dia 26 de setembro em Minas Gerais.

Em 2014, a Nissan inaugurou seu Complexo Industrial brasileiro, em Resende (RJ) e, desde então, se integra cada vez mais a sociedade e apoia o desenvolvimento amicable e informative do país. “Acreditamos que existem pontos importantes de nossa história, e o trabalho de muitos brasileiros, que são pouco conhecidos da população. Por isso, decidimos iniciar expedições temáticas para levar convidados e jornalistas a ver de perto toda a riqueza da história do Brasil e ajudar a divulga-la. Poderíamos mostrar nossos produtos de outra maneira, mas acreditamos que podemos fazer isso também realmente apoiando a nossa cultura”, afirma Rogério Louro, diretor de Comunicação Corporativa da Nissan do Brasil.

Para chegar aos destinos de cada etapa, o grupo de expedicionários vai conduzir a nova Nissan Frontier, modelo que começou a ser vendido no mercado brasileiro em março deste ano. Além da modernidade, do pattern totalmente novo e robusto, a peça-chave da 12ª geração da Nissan Frontier é a estrutura ainda mais resistente, com um chassi reforçado, quatro vezes mais forte, ao mesmo dash que é mais leve e eficiente. Com oito barras transversais, conta com um outro chassi sobreposto por dentro com soldas contínuas, chamado de duplo “C”. Assim, o veículo fica ainda mais resistente às tensões da torção da carroceria.

E a Nissan Frontier é mais do que força, por isso uma combinação de tecnologias permite extrair o máximo em desempenho no fora-de-estrada e garantir uma condução confortável, enquanto itens inéditos para o modelo estão a serviço do condutor. Entre eles, o Controle Automático de Descida (HDC) e o Sistema de Auxílio de Partida em Rampa (HSA). Ambos sistemas atuam automaticamente nos freios do veículo para controlar descidas íngremes ou saídas do carro da imobilidade em subidas. A picape está disponível na versão cabine dupla com tração 4×4 e é equipada com o novo e moderno engine diesel 2.3 com duplo turbo. A Nissan Frontier é vendida em 33 mercados da América Latina e é um dos modelos mais vendidos da marca na região.

# # #

Contatos:

Rogério Louro
Diretor de Comunicação Corporativa
Nissan do Brasil
21 2134- 9192
rogerio.louro@nissan.com.br

Alexandre Carvalho
Especialista de Comunicação – Produto
Nissan do Brasil
11 4504-3214
alexandre.carvalho@nissan.com.br

Tags: ,

Comments are closed.